Leite anuncia R$ 12 milhões para melhoria de abrigos e novo repasse para saúde

De acordo com o governo do RS, o valor dedicado aos abrigos corresponde ao equivalente a R$ 150 por pessoa que estão acolhidas. Governo do Rio Grande do Sul / YouTube/Repordução

Governador também mencionou perigo de piora na situação de municípios como Canoas, Eldorado do Sul e Porto Alegre.

O governador Eduardo Leite anunciou, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira (13), o repasse de R$ 12 milhões para os municípios atingidos pela enchente, com foco na melhora das condições dos abrigos que estão recebendo as famílias afetadas. O Estado conta com pelo menos 80 mil pessoas nesses locais.

— Vamos destinar R$ 12 milhões, o equivalente a R$ 150 por pessoa, para utilização nos abrigos. Em Canoas, temos 20 mil pessoas. Serão cerca de R$ 3 milhões somente para Canoas — destacou.

Beto Fantinel, secretário de Desenvolvimento Social, detalhou a medida:

— Serão R$ 150 por indivíduo. O governo federal fez uma pactuação. Nós vamos complementar. Isso para que os municípios melhorem as condições dos acolhimentos. É uma medida de auxílio aos municípios.

Leite também anunciou novos repasses para a área da saúde. Serão mais R$ 17 milhões investidos, principalmente, na atenção primária e na saúde mental.

— Antes, foram R$ 41,6 milhões. Iremos agregar R$ 3,5 milhões para hospitais de retaguarda que não estavam atendidos na primeira etapa. 35 hospitais serão contemplados. Na saúde mental, teremos mais R$ 2 milhões. Teremos mais R$ 12,7 milhões para a atenção primária como recurso extra para todos os 497 municípios — finalizou.

 

Alerta para novas inundações e chegada de frente fria na quarta-feira

O governador também fez um balanço das chuvas dos últimos dias e voltou a mostrar preocupação com novas inundações em áreas que já foram afetadas. Os alertas são, principalmente, para as regiões Sul e Metropolitana.

— Fazemos um apelo para que saiam das áreas afetadas, que podem ter agravamento. Entre hoje (segunda-feira, 13) e quarta-feira (15), poderemos ter o momento mais grave das inundações desses municípios da Região Sul. Precisamos que a população atenda aos alertas — destacou.

Leite também citou o perigo de piora na situação de municípios como Canoas, Eldorado do Sul e Porto Alegre.

Conforme Cátia Valente, meteorologista da Sala de Situação do RS, o maior volume de chuva já passou, mas ela alertou para a chegada de um frente fria.

— Temos uma diminuição bastante grande no volume de chuva, o que é uma grande notícia. Vamos ter chuva hoje mais na parte norte do Estado. Tivemos quase 320mm na Serra, 120mm na Região Metropolitana e 180mm no Litoral Norte. Não temos previsão de volumes de chuva elevados. Agora teremos uma frente fria, com frio intenso entre quarta-feira e sexta (17) — pontuou.

Pedro Camargo, hidrólogo da Sala de Situação do RS, trouxe detalhes sobre as cheias dos rios Caí e Taquari, que irão refletir no Guaíba mais uma vez:

— Tivemos volumes elevados nos rios Caí e Taquari. Essas águas devem chegar em Porto Alegre amanhã (terça-feira). O Rio do Sinos segue em elevação. Essas águas todas desaguam no Guaíba. Há expectativa de que ultrapassemos o nível anterior. Devemos chegar em torno dos 5m50cm, o que nos trará um novo repique na Lagoa dos Patos — concluiu.

 

gauchazh.clicrbs.com.br

 

 

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Serra e Litoral nas principais redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Tem também o nosso grupo do Telegram e Whatsapp.

AS MAIS LIDAS

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

Notícias Relacionadas