Empresas da Região Sul poderão se beneficiar com abertura do mercado livre de energia em 2024

Empresas da Região Sul poderão se beneficiar com abertura do mercado livre de energia em 2024
Empresas da Região Sul poderão se beneficiar com abertura do mercado livre de energia em 2024

Empresas da Região Sul poderão se beneficiar com abertura do mercado livre de energia em 2024

A partir de janeiro de 2024, 165 mil empresas poderão trocar de fornecedor de energia elétrica em todo o país;

Com a autorização para migrar ao mercado livre, os consumidores de eletricidade em alta tensão têm a opção de escolher qualquer comercializadora em todo o país para comprar a energia elétrica.

Brasil, 18 de dezembro de 2024 – A nova atualização da Aneel mostra que um número significativo de empresas já informou às distribuidoras que migrará para o mercado livre de energia elétrica a partir de janeiro de 2024. Mais de 12,8 mil empresas buscaram essa opção, sendo que a maioria delas, cerca de 94%, são consumidores de menor porte, com demanda menor de 500 kW. Esses consumidores foram beneficiados pela Portaria 50/2022, do Ministério de Minas e Energia, que concedeu o direito de escolher o fornecedor de energia elétrica a todos os consumidores do Grupo A, que são atendidos em média e alta tensão.

Antes dessa portaria, apenas consumidores com demanda acima de 500 kW podiam migrar para o mercado livre de energia. Agora, consumidores de menor porte também podem participar desse mercado, onde fornecedores e consumidores negociam bilateralmente as condições do fornecimento, como prazos, fonte de energia, preços, flexibilidades e outros serviços.

O Grupo A atualmente possui cerca de 202 mil unidades consumidoras, principalmente empresas, que recebem energia em média e alta tensão. Dentre essas unidades, mais de 36 mil já estão no mercado livre de energia, o que indica que há um potencial de migração de aproximadamente 165 mil unidades consumidoras a partir de 2024.

No entanto, os consumidores que recebem energia em baixa tensão, pertencentes ao Grupo B, formado principalmente por residências, ainda não possuem autorização para escolher seu fornecedor de energia elétrica. É importante destacar que em outros países, como 35 países no mundo, todos os consumidores têm acesso ao mercado livre de energia.

O que esperar da abertura do Mercado Livre de Energia em 2024

O Mercado Livre vai ficar acessível a mais empresas em 2024, e a 2W Ecobank, uma das três maiores comercializadoras e geradora de energia de energia limpa do país está pronta para acelerar seu negócio a partir de janeiro de 2024. A empresa está democratizando o acesso à energia renovável no Brasil com soluções inovadoras e tecnológicas, focadas nas pequenas e médias empresas do Brasil. Hoje, mais de 30 mil empresas da região Sul já podem migrar para o mercado livre de energia. A 2W conta hoje com mais de 1 mil clientes em todo o Brasil, sendo 45% desses localizados nos estados do Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina. A empresa conta com dois parques eólicos, um no Rio Grande do Norte e outro no Ceará. Sua estratégia multicanal inclui a maior plataforma de venda do setor elétrico, com um grande time de consultores presentes em todos os estados brasileiros. A empresa oferece soluções de energia com interface digital, telemetria, eficiência energética e serviços financeiros, conectando energia, finanças e sustentabilidade.

Para entender melhor todo o processo que passa o Mercado Livre de Energia hoje e o que virá para 2024, Ciro Neto, Partner e Head de Desenvolvimento de negócios da 2W na Região Sul, esclarece abaixo algumas dúvidas para empresários e clientes que querem entender melhor sobre o Mercado Livre e como a 2W Ecobank pode levar informação, sustentabilidade e ajudar as empresas a alcançar um consumo mais consciente, limpo e inteligente.

De quem o consumidor livre compra energia e de onde vem a energia elétrica vendida no Mercado Livre?

Ciro Neto: No mercado livre de energia, os consumidores têm a opção de escolher seus próprios fornecedores e fonte (eólica, solar, hídrica…) de energia. Eles podem comprar energia diretamente de comercializadoras ou fornecedores, em vez de ficarem vinculados aos serviços da concessionária de distribuição de energia.

No Brasil, por exemplo, o mercado livre de energia elétrica a partir de 2024 será acessível para todos os consumidores de alta e média tensão, nesse mercado, os clientes podem negociar diretamente com geradores ou comercializadoras de energia para obter contratos que atendam às suas necessidades especificas. Esse processo proporciona maior flexibilidade nas condições contratuais e acesso a opções de fontes de energia diversas.

Empresas-da-Regiao-Sul-poderao-se-beneficiar-com-abertura-do-mercado-livre-de-energia-em-2024-2 Empresas da Região Sul poderão se beneficiar com abertura do mercado livre de energia em 2024

O Mercado Livre de Energia pode oferecer riscos ao consumidor?

Ciro Neto: Sim, pode apresentar alguns riscos, especialmente para aqueles que não estão familiarizados com os mecanismos do mercado. Contratos mal estruturados com termos contratuais complexos e condições pouco claras podem criar desafios para os consumidores. A inadimplência de fornecedores e comercializadoras inexperientes ou com porte inadequado aos desafios e volatilidade existentes no mercado pode representar um risco, pois fornecedores que não cumprem seus compromissos contratuais, podem gerar interrupções no fornecimento ou custos adicionais, aos seus clientes, logo é importante que os consumidores estejam cientes desses riscos e tomem medidas para mitigá-los, como realizar uma análise cuidadosa dos contratos, escolher fornecedores confiáveis.

Por outro lado, contratos bem estruturados e empresas sérias, robustas e comprometidas em prestar um bom serviço aos seus clientes, alavancam o ambiente de segurança retirando seus clientes da exposição as bandeiras tarifárias, garantindo a fonte da qual energia consumida é proveniente e agregando valor e novas receitas através de serviços que as empresas até então não tinham acesso junto a sua distribuidora.

Quais são as vantagens da abertura do Mercado Livre de Energia?

Ciro Neto: São inúmeras as oportunidades e vantagens, a maior delas é o papel ativo que os clientes passam a ter, pois a abertura do mercado irá possibilitar que o exercício do consumo seja mais eficiente e sustentável e em alguns casos a custos menores, esse movimento também irá contribuir para o desenvolvimento econômico do Brasil, pois uma maior competição irá estimular fornecedores a criar soluções inovadoras para atração de novos clientes.

Que tipo de consumidor pode se beneficiar no Mercado Livre e o que muda em 2024?

Ciro Neto: Todo consumidor do grupo A ligado em alta e média tensão já pode se beneficiar com a abertura do mercado, pois como um dos ritos do processo de migração envolve a denúncia do contrato existente junto a distribuidora 6 meses antes da data de renovação, todos clientes do grupo A já podem iniciar desde agora seu processo de adesão ao mercado livre de energia.

Como a 2W pode ajudar uma empresa a aderir ao Mercado Livre de Energia?

Ciro Neto: A migração para o mercado livre de energia é um processo complexo que envolve diversos aspectos regulatórios, contratuais e técnicos. Empresas especializadas em consultoria e gestão de energia, como a 2W ecobank, podem oferecer uma variedade de serviços para ajudar as empresas nesse processo. Suportamos nossos clientes desde a análise de viabilidade para identificar o perfil de consumo até a identificação se as condições infraestrutura são adequadas para migração. Além disso somos a primeira empresa a oferecer uma proposta de valor que permitem aos nossos clientes se adequarem rapidamente as melhores práticas ESG, contribuindo desta forma para que nossos clientes se posicionem de forma mais competitiva e sustentável dentro do seu mercado.

 

Polibio F Braga | Imprensa 2W | 51 98401 1401

Compre Aqui!

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

As Mais Lidas...​

Notícias Relacionadas