Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo

https://gauchazh.clicrbs.com.br/tecn

Eventos semelhantes podem ocorrer neste fim de semana, causando possíveis interrupções em satélites e redes elétricas.

A tempestade solar mais poderosa em mais de duas décadas atingiu a Terra nesta sexta-feira (10), provocando auroras polares e ameaçando possíveis interrupções em satélites e redes elétricas enquanto persistir durante o fim de semana.

A primeira de várias ejeções de massa coronal (CMEs, na sigla em inglês) — grandes emissões de plasma e campos magnéticos do Sol — ocorreu pouco depois das 11h (no fuso horário de Brasília), de acordo com a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica.

Mais tarde, a entidade categorizou a tempestade geomagnética como “extrema” — a primeira desde que, em outubro de 2003, várias delas causaram apagões na Suécia e danos na infraestrutura energética na África do Sul. Espera-se que mais CMEs atinjam o planeta nos próximos dias.

Nesta sexta-feira (10), a redes sociais foram inundadas com fotos de auroras capturadas no norte da Europa e na Australásia (região que inclui Austrália, Nova Zelândia, Nova Guiné e algumas ilhas menores da parte oriental da Indonésia), assim como em outros lugares (veja abaixo).

4964926_60f2b8988c40fad Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
https://gauchazh.clicrbs.com.br/tecn

 

4964927_a366fe927ef7c61 Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
Aurora boreal durante a tempestade geomagnética desta sexta-feira, vista em Ontário. GEOFF ROBINS / AFP

 

4964925_e78bf82e9465af0 Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
Fenômeno visto sobre o Monumento Nacional da Escócia, em Edimburgo, nesta sexta-feira. HANDOUT / Jacob Anderson

 

4964924_ab99302772bae97 Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
Mancha solar vista na seção inferior direita do sol quase tão grande quanto a do Evento Carrington, a tempestade geomagnética mais intensa já registrada. JOSH EDELSON / AFP

 

— Acabamos de acordar as crianças para verem a aurora boreal no quintal! Está claramente visível — disse à agência de notícias AFP Iain Mansfield, membro de um centro de estudos em Hertford, no Reino Unido.

Outros, como o fotógrafo Sean O’ Riordan, relataram na rede social X (antigo Twitter) fotografias de “céus absolutamente bíblicos na Tasmânia às 4h da manhã”.

As autoridades pediram aos operadores de satélites, companhias aéreas e responsáveis pelas redes elétricas que tomassem medidas de precaução contra possíveis perturbações causadas por mudanças no campo magnético da Terra.

A Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos, no entanto, disse que “não antecipa nenhum impacto significativo no sistema de espaço aéreo do país”.

Ao contrário das erupções solares, que viajam à velocidade da luz e são capazes de alcançar a Terra em oito minutos, as CMEs viajam a um ritmo mais lento, de 800 km por segundo. Os meteorologistas esperam poder precisar melhor o impacto que terão quando estiverem a uma distância de 1,6 milhão de quilômetros.

Os campos magnéticos associados às tempestades geomagnéticas induzem correntes nos condutores longos, incluindo os cabos de energia, o que pode provocar apagões. Também podem ocorrer impactos na comunicação por rádio de alta frequência, GPS, em naves espaciais e satélites.

Até mesmo pombos e outras espécies que possuem bússolas biológicas podem ser afetados.

Auroras polares
Mas também podem trazer outros efeitos, como a aparição de auroras polares — conhecidas como auroras boreais ou austrais, dependendo do hemisfério — em lugares onde normalmente não são visíveis.

Mathew Owens, professor de física espacial na Universidade de Reading, disse à AFP que os efeitos serão sentidos principalmente nas latitudes norte e sul do planeta. O alcance exato dependerá da força final da tempestade.

— O norte do Canadá, a Escócia e lugares desse tipo terão boas auroras. Acredito que podemos afirmar isso com segurança — ressaltou, acrescentando que a situação pode se repetir no hemisfério sul. — Meu conselho é que saiam esta noite e olhem, porque se virem a aurora, é algo espetacular.

Nos Estados Unidos, esse fenômeno poderia ser observado na região mais ao norte de estados como Califórnia e Alabama.

Brent Gordon, dos serviços meteorológicos espaciais da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica, sugere que as pessoas tentem tirar fotografias noturnas com seus celulares, mesmo que a aurora não seja visível a olho nu.

As autoridades recomendam à população que siga as medidas padrões diante de possíveis apagões, como ter em mãos lanternas, baterias e rádios meteorológicos.

A maior tempestade solar registrada é o “evento de Carrington”, de 1859: destruiu a rede telegráfica nos Estados Unidos, provocou descargas elétricas e a aurora boreal foi visível em latitudes inéditas, até a América Central.

 

Confira os registros nas redes sociais

Na Antártida

GNQDTd9X0AIO55p Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
Norte de Antártida

 

Na Argentina

GNQWIElW4AACnhA Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
Por las fotos que dejó la increíble aurora boreal en Tierra del Fuego.

 

No Uruguai

GNRA_nOWYAAubpq Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
#tormentasolar #aurora Punta del Diablo-Rocha-uruguay

 

 

No Chile

GNQn_K7WwAAB3Et Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
PUNTA ARENAS CHILE Aurora Boreal

 

Na Espanha

Aquest vídeo accelerat de l’aurora boreal sobre la Cerdanya avui a la matinada són simplement espectaculars.

 

Em Portugal

Registo inédito em Portugal, a dança da aurora boreal em vídeo!
©️ Rodolfo Pereira

 

No México

Actualización, a esta hora así luce la aurora boreal en Cd Obregón en Sonora, México.
📸❤️
#Sonora #Mexico #aurora #solarstorm #Auroraborealis
Traduzir post

GNRSuyqXwAAkYzI-1 Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
Actualización, a esta hora así luce la aurora boreal en Cd Obregón en Sonora, México.

 

 

Na Suíça

Espectaculares imágenes de la Aurora Boreal desde los Alpes suizos.

 

Na Tasmânia (Austrália)

GNRSic1W8AA_w4t Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
Aurora boreal, na Tasmânia, no Sul da Austrália. Imagina abrir à janela a noite e ver esta paisagem 📷 Sean O’ Riordan

 

Na Alemanha

GNQRjSlXsAAsJFt Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
Mare: E teve aurora boreal aqui no quintal de casa eu nao to acreditando

 

Nos Estados Unidos

GNQ4YgpXgAAdyeY Tempestade solar extrema provoca aurora polar vista na Argentina e Uruguai; veja fotos pelo mundo
I cannot believe it! Aurora in Collier County, Florida off of State Road 29! SOUTH FLORIDA! @NWSMiami

 

 

gauchazh.clicrbs.com.br

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Serra e Litoral nas principais redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Tem também o nosso grupo do Telegram e Whatsapp.

AS MAIS LIDAS

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

Notícias Relacionadas