Organização da Festa da Uva promete maior divulgação do evento a partir de segunda (5), em Caxias

Foto: Ícaro de Campos/Prefeitura de Caxias/divulgação

Alvo de críticas, a falta de um clima convidativo foi reconhecida pelo presidente da Comissão Comunitária, Fernando Bertotto, que alega dificuldades orçamentárias.

Restando 13 dias para o início da Festa da Uva 2024, quem visita ou mora em Caxias do Sul pode ter a percepção de que não há uma divulgação efetiva do maior evento comunitário da região. A falta de um clima convidativo gera cobranças e críticas. A situação é reconhecida pelo presidente da Comissão Comunitária, Fernando Bertotto, que promete uma maior propagação das atrações a partir da próxima segunda-feira (5).

De acordo com ele, a campanha de divulgação deveria estar ocorrendo desde janeiro, no entanto, a questões orçamentárias dificultaram a prática do cronograma. Bertotto detalhou que os custos da próxima festa são de R$ 17 milhões, mais R$ 4 milhões em dívidas – herdadas de edições anteriores -, totalizando R$ 21 milhões.

Com cerca de 80% do valor obtido, e negociações ainda em andamento, o objetivo dos organizadores é entregar o evento com as dívidas quitadas, e no “zero a zero” – um equilíbrio entre déficit e superávit. Inicialmente, R$ 800 mil seriam destinados à propaganda como um todo. O valor caiu para em entorno de R$ 400 a 500 mil devido ao atraso, conforme o presidente da Comissão Comunitária.

A ideia é que, na semana que vem, tenha início a reprodução do vídeo oficial, lançado na quinta (1), e materiais audiovisuais na imprensa, além da instalação de banners em pontos da cidade.

“Segunda-feira começa a rodar o material na rede social e depois pro grande público, na imprensa como um todo. E aí começa uma divulgação mais massiva, inclusive com a entrada, aí pelo dia 7 e 8, dos banners que vão ser colocados na cidade e nas principais ruas, pra criar aquele clima de festa que todo mundo está demandando”, projetou.

Na ótica de Bertotto, ainda que a divulgação esteja tímida, há um movimento de disseminação da Festa da Uva por parte dos organizadores, trio de soberanas, órgãos públicos e entidades parceiras. Outra ação citada por ele, que já começou, é uma parceria com construtoras para a implantação de cartazes em tapumes de canteiros de obras.

Lembrou, ainda, do concurso “Tirando o Pó – A Memória da História” que, com apoio do Sindilojas Caxias, une comerciantes que desejam decorar seus estabelecimentos com o tema do evento.

“A comunidade toda vai abraçando a festa naquilo que cada um alcança, que a gente consegue ajudar o evento, que é feito de muitas mãos. Então, a gente consegue ver, a partir da semana que vem, uma efetivação maior dessa propaganda chamando o público para a festa”, acrescentou Bertotto.

A 34ª edição da Festa Nacional da Uva ocorre de 15 de fevereiro a 3 de março. A maior parte do evento se concentrará no Parque Mário Bernardino Ramos, onde terá a exposição e distribuição de uvas, comércio local, agroindústria familiar, vila dos distritos e shows regionais e nacionais. Ainda, a Rua Sinimbu receberá os desfiles cênicos nos dias 15, 17, 21, 25, 28 de fevereiro e 02 de março, às 20h.

 

leouve.com.br

Onde Ir

Dicas de Onde Ir, na Serra ou no Litoral
Onde Ir