Morador de São Marcos morre após ser picado por abelhas

Morador de São Marcos morre após ser picado por abelhas

Inácio Brixner chegou a dar entrada na emergência do Hospital São João Bosco mas já chegou sem vida.

Na noite desta sexta-feira (12), uma fatalidade tirou a vida do comerciante são-marquense Inácio Brixner, 57 anos.

De acordo com o Hospital São João Bosco, Brixner deu entrada na emergência da instituição por volta das 19h, vítima de uma parada cardíaca desencadeada por um choque anafilático após ser picado por abelhas.

Infelizmente, o óbito foi constatado logo após a entrada.

Brixner teria chegado ao hospital com o auxilio de familiares, sem acionar as equipes de resgate.

O São Marcos Online não conseguiu contato com a família para apurar se a vitima tinha alergia ao inseto, nem como as circunstâncias da picada e o local exato do incidente ocorreram.

O sepultamento está marcado para este sábado, 13 de janeiro, às 17 horas, no Cemitério São Judas Tadeu, no Bairro Francisco Doncatto.

O velório acontece na sala A das Capelas São José.

Inácio Brixner, de 57 anos, atuava como comerciante no posto de combustíveis localizado na Rua Luiz Trevisan, muito querido na comunidade ele também era integrante do CTG Tio Carlo.

A importância do conhecimento sobre alergias a picadas de abelha
Para a maioria das pessoas, uma picada de abelha pode resultar em dor localizada, inchaço e vermelhidão temporários.

No entanto, para aqueles que são alérgicos ao veneno das abelhas, a resposta do corpo pode ser muito mais séria e, em alguns casos, fatal.

O choque anafilático é uma reação alérgica extrema que pode ocorrer em minutos após uma picada de abelha. Os sintomas incluem dificuldade respiratória, inchaço da garganta, queda repentina da pressão arterial e, em casos graves, perda de consciência.

É vital que as pessoas que suspeitam serem alérgicas busquem orientação médica para avaliação e, se necessário, realizem testes específicos para alergias a picadas de abelha.

Fonte: São Marcos Online

 

leouve.com.br

Onde Ir

Dicas de Onde Ir, na Serra ou no Litoral
Onde Ir