Mais de 600 pessoas resgatadas de áreas de risco e desmoronamentos na Serra Gaúcha

Uma das regiões mais atingidas da região, Bento Gonçalves resgatou, até o momento, 280 pessoas. Polícia Rodoviária Federal / Divulgação

Dados se referem aos municípios de Bento Gonçalves, Caxias do Sul, São Vendelino e Veranópolis.

Desde que as cidades da Serra começaram a registrar os primeiros desmoronamentos de terra, na quarta-feira (1º), pelo menos 629 pessoas foram resgatadas.

Os municípios que divulgaram os dados foram Bento Gonçalves, Caxias do Sul, São Vendelino e Veranópolis.

Em Gramado, não houveram resgates, mas 130 pessoas precisaram de abrigo.

Santa Tereza e Canela ainda não confirmaram o número de salvamentos.

As informações se referem a dados contabilizados até as 18h30min desta sexta-feira (3).

Uma das regiões mais atingidas da Serra, Bento Gonçalves resgatou, até o momento, 280 pessoas.

O município registra quedas de barreira em diferentes pontos em decorrência da chuva que atinge o Rio Grande do Sul.

Segundo a prefeitura, os resgates ocorreram no Vale Aurora, Imaculada Conceição, Pedra Lisa, São Pedro 71, Linha Demari, Alcântara, Santa Lúcia, Veríssimo de Matos, Linha Buratti, Nossa Senhora das Graças e Linha Ferri.

Na tarde desta sexta-feira, pelo menos 30 pessoas foram resgatadas na Ponte dos Arcos, na BR-470.

As vítimas foram encaminhadas para o Hospital Tacchini e para a UPA Botafogo. Até o momento, quatro mortes foram confirmadas pela prefeitura de Bento Gonçalves.

Os nomes não foram divulgados oficialmente, mas entre as vítimas estariam Rodrigo Cagol, 32 anos, e Elisa Bucco Tomasi, 22.

Além dos dois, um casal de Linha Alcântara, Artemio Cobalchini, 72 anos, e Ivonete Cobalchini, 62, foram encontrados mortos no final da manhã na propriedade da família. Uma filha está desaparecida.

 

4959849_336316a9b174a16 Mais de 600 pessoas resgatadas de áreas de risco e desmoronamentos na Serra Gaúcha
Marina Cobalchini (de costas), filha de Artemio e Ivonete, veio da Bahia para acompanhar as buscas, que trouxeram notícia da morte dos pais e desaparecimento da irmã. Neimar De Cesero / Agencia RBS

 

Em Caxias do Sul, durante coletiva de imprensa ocorrida nesta sexta, o município divulgou que 55 pessoas foram resgatadas de áreas de risco.

Todas elas foram encaminhadas para abrigos da cidade.

Até o momento, uma morte foi confirmada na cidade e foi registrada na tarde de quinta-feira (2).

Leandro Fortes Carvalho, 52 anos, foi encontrado soterrado dentro de casa, no bairro Galópolis.

Em São Vendelino, onde uma queda de barreira na RS-122 deixou o município isolado desde quarta-feira (1º), 48 pessoas foram resgatadas, até o momento.

Na manhã desta sexta-feira, o corpo de Wagner Oliveira, 22 anos, foi encontrado. O jovem morreu soterrado, assim como o pai, José Adair Oliveira, 47. Os dois foram vítimas do deslizamento.

Na cidade de Veranópolis, 246 pessoas foram resgatadas.

A cidade, que também registra quedas de barreira em diversos pontos, está acolhendo os moradores no Centro de Convivência da Longevidade.

Segundo a prefeitura, alguns grupos de moradores, que estavam ilhados em pontos de difícil acesso, conseguiram subir e encontrar trilhas de acesso por entre a mata.

Assim como Bento Gonçalves, o município está contabilizando as mortes de moradores registradas no deslizamento da Ponte dos Arcos.

 

gauchazh.clicrbs.com.br

 

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Serra e Litoral nas principais redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Tem também o nosso grupo do Telegram e Whatsapp.

AS MAIS LIDAS

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp