Como funciona abrigo no Rio Grande do Sul que tem sala para animais de estimação

Abrigo no RS tem sala para animais de estimação — Foto: Reprodução/Bom Dia Brasil

Pets ficam em uma sala separada, mas há momentos de convívio e passeio.

Milhares de pessoas no Rio Grande do Sul estão desabrigadas e desalojadas por causa das chuvas que atingem a região desde o fim de abril.

Um abrigo montado na PUC do Rio Grande do Sul recebe famílias com animais de estimação que precisaram deixar suas casas por causa das fortes chuvas que atingem o estado desde o fim de abril.

No local em Porto Alegre, os pets ficam em uma sala separada, com espaço próprio, tapete higiênico, caminhas, ração e água; enquanto os donos ficam em outras áreas da universidade.

Os donos podem entrar no local a qualquer momento para convivência. Tambem é permitido sair para passear com os animais, como mostrou reportagem do Bom Dia Brasil nesta quarta-feira (8).

Ficar sem animais de estimação é um dos medos de quem precisa deixar suas casas em áreas já atingidas ou que estão sob alerta de inundação nos próximos dias.

“Saímos [de casa] de barco. Mas só sairíamos com eles [animais de estimação]. E eles nos resgataram e nos trouxeram para cá, fomos bem acolhidos”, disse um homem que está no abrigo.

Como recebe família com crianças, o local também possui espaço para brincadeiras e recreação dos pequenos.

abrigo-animais-4 Como funciona abrigo no Rio Grande do Sul que tem sala para animais de estimação
Abrigo no RS tem sala para animais de estimação — Foto: Reprodução Bom Dia Brasil

 

Enchente histórica

Os temporais que começaram a atingir o Rio Grande do Sul em 29 de abril causaram 95 mortes e deixaram 128 desaparecidos até a manhã desta quarta-feira (8).

A área central de Porto Alegre mais próxima do lago Guaíba ficou completamente alagada.

O aeroporto e a rodoviária não estão operando por estarem tomados por água.

Até a tarde de terça-feira (7), os municípios calculavam 100 mil casas destruídas ou danificadas, com prejuízo estimado em R$ 4,6 bilhões.

414 das 497 cidades gaúchas foram afetadas pelas chuvas e enxurradas, com 366 delas em estado de calamidade pública.

 

g1.globo.com/rs

Guia Serra e Litoral só R$ 20 POR ANO
Estamos em faze de lançamento, Anuncie Conosco preço promocional

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Serra e Litoral nas principais redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Tem também o nosso grupo do Telegram e Whatsapp.

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

Notícias Relacionadas