BRASIL Sexta-Feira Santa: conheça os direitos de quem vai trabalhar no feriado

Especialista explica que, via de regra, quem trabalha no feriado recebe em dobro, mas há exceções previstas em acordos ou convenções coletivasFoto: Reprodução

O empregado escalado para atuar na Sexta-Feira Santa –que, neste ano, cai no próximo dia 29 no Brasil – deve ficar atento ao seu contrato de trabalho para saber quais são seus direitos nesta data.

O advogado Leandro Antunes explica que, via de regra, o trabalho aos feriados garante remuneração em dobro. Porém, há exceções estabelecidas por meio de acordos ou convenções coletivas.

“Em regra, o feriado não seria um dia para trabalhar. Por isso, quem trabalha no feriado vai receber em dobro. Só que, em algumas atividades, por força do que exercem, é normal trabalhar em feriados sem receber em dobro. Por exemplo: algumas categorias têm o acordo ou convenção coletiva que possibilita a pessoa trabalhar no feriado e folgar em outro dia da semana”, explica.

“Tem também o pessoal que trabalha na jornada 12 x 36 horas. Esse pessoal trabalha no feriado: vai ser um dia normal de recebimento e vai folgar normalmente em outro dia da semana”, acrescenta o professor.

Antunes destaca, porém, que caso não haja previsão contratual de trabalho nessa data, a empresa terá de pagar as horas extras em dobro. “Como o feriado não é um dia de trabalho, se o empregador chamar o empregado para trabalhar no dia que não era para trabalhar, ele vai ter que remunerar em dobro.”

 

Banco de horas

O especialista acrescenta que, ao contrário do que muitas pessoas pensam, o funcionário que atua em uma empresa com regime de banco de horas não terá as horas trabalhadas no feriado contabilizadas em dobro.

“Esse é um pensamento comum. Mas, na verdade, se há previsão de um acordo de compensação, o empregado que trabalha no feriado vai, depois, compensar em outro dia, não havendo necessidade de ser em dobro.”

“Ou seja, se ele trabalhou oito horas, ele vai descansar oito horas. Claro que o empregador pode, se ele quiser, deixar o funcionário descansar em dobro, mas não é obrigatório”, exemplifica.

 

Feriado nacional

A Sexta-Feira Santa é um dos dez feriados oficiais nacionais definidos pelo governo federal com base na legislação vigente. Há também os feriados estaduais e municipais, além dos pontos facultativos.

 

Veja os feriados nacionais e pontos facultativos deste ano:

1º de janeiro: Confraternização Universal (feriado nacional)
12 de fevereiro: Carnaval (ponto facultativo)
13 de fevereiro: Carnaval (ponto facultativo)
14 de fevereiro: Quarta-feira de Cinzas (ponto facultativo até as 14h)
29 de março: Paixão de Cristo –ou Sexta-feira Santa (feriado nacional)
21 de abril: Tiradentes (feriado nacional)
1º de maio: Dia Mundial do Trabalho (feriado nacional)
30 de maio: Corpus Christi (ponto facultativo)
31 de maio: ponto facultativo
7 de setembro: Independência do Brasil (feriado nacional)
12 de outubro: Nossa Senhora Aparecida (feriado nacional)
28 de outubro: Dia do Servidor Público Federal (ponto facultativo)
2 de novembro: Finados (feriado nacional)
15 de novembro: Proclamação da República (feriado nacional)
20 de novembro: Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra (feriado nacional)
24 de dezembro: Véspera do Natal (ponto facultativo após as 14h)
25 de dezembro: Natal (feriado nacional)
31 dezembro: Véspera do Ano-Novo (ponto facultativo após as 14h)

 

osul.com.br

Compre Aqui!

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

As Mais Lidas...​

Notícias Relacionadas