Alimentação e Dengue: A importância da Nutrição no Tratamento e Recuperação dos Pacientes

A alimentação desempenha um papel crucial no tratamento de diversas patologias, incluindo a dengue.

Ela pode atuar tanto na manutenção do estado geral dos pacientes, quanto influenciar diretamente na gravidade e na recuperação da doença.

Embora não haja evidências científicas definitivas sobre alimentos específicos que previnam a dengue, é inegável que uma alimentação adequada pode contribuir significativamente para o bem-estar do paciente.

Segundo a coordenadora do curso de Nutrição da Estácio-RS, Juliana Gonçalves, a dengue já está sendo considerada uma epidemia, o que torna fundamental buscar auxílio além da medicação.

No entanto, ainda não há consenso científico sobre alimentos que previnem a doença.

Enquanto a prevenção por meio da alimentação ainda não está totalmente elucidada, é claro que pacientes com um bom estado nutricional podem enfrentar a doença de forma menos grave.

Durante a infecção pelo vírus da dengue, é comum que o paciente tenha seu apetite afetado, comenta Juliana.

Dependendo dos sintomas apresentados em cada paciente, é essencial privilegiar alimentos leves e de fácil digestão, como frutas, verduras, legumes e carnes brancas.

Além disso, é importante garantir uma boa hidratação, optando por água, água de coco, sucos naturais e até mesmo o famoso soro caseiro. Embora não exista um alimento “padrão ouro” para fortalecer a imunidade contra a dengue, sabe-se que uma alimentação variada e equilibrada, rica em nutrientes como vitamina C, vitamina D e zinco, pode contribuir para a melhora do estado imunológico do paciente.

Frutas cítricas, ovos, carnes brancas, arroz integral e oleaginosas são exemplos de alimentos que podem auxiliar na recuperação do organismo. “Alimentos, fontes de vitamina C, vão ter uma ação na produção de células brancas e auxiliarão na defesa do organismo contra o vírus da dengue. Fontes de vitamina D, auxiliam na recuperação do nosso organismo. Zinco também é uma boa opção, pois tem uma ação antioxidante, anti-inflamatória contra os vírus. Alimentos ricos em vitaminas e minerais, incluindo vitamina K, que estimula a coagulação sanguínea, que é importante para os casos graves de dengue também”, explica.

Visto que a dengue aumenta a permeabilidade vascular, podendo deslocar alguns líquidos em certos locais do corpo e comprometer a circulação e a oferta de alguns nutrientes para as células, é necessário evitar alimentos que possam potencializar os sintomas da doença.

Os alimentos ricos em salicilato, como o alho e a pimenta caiena, consumidos em excesso são exemplos disso. Ademais, é fundamental manter uma alimentação equilibrada, evitando alimentos ultraprocessados ricos em gordura, sódio e açúcar, que podem prejudicar a recuperação do paciente. “Dessa forma, precisamos aumentar esse volume na circulação. Então, quanto mais hidratado o paciente, melhor. Inclusive o Ministério da Saúde recomenda que adultos infectados tenham um consumo médio de água de 60 ml por quilo de peso.

Há também a água de coco, que é rica em eletrólitos e minerais, sendo uma ótima opção para evitar desidratação, até mesmo em casos de febre e vômito”, esclarece a coordenadora.

Portanto, a alimentação desempenha um papel crucial no tratamento e na recuperação dos pacientes com dengue. Uma dieta adequada, aliada ao tratamento médico adequado, pode contribuir significativamente para uma recuperação mais rápida e menos grave da doença.

 

Fonte: Usina de Notícias

Guia Serra e Litoral só R$ 20 POR ANO
Estamos em faze de lançamento, Anuncie Conosco preço promocional

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Serra e Litoral nas principais redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Tem também o nosso grupo do Telegram e Whatsapp.

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

Notícias Relacionadas