Santa Catarina faz doação de bolsas de sangue para ajudar vítimas no RS

Auxílio foi encaminhado a Passo Fundo e será distribuído de helicóptero para outras regiões do Estado. (Foto: Reprodução)

Santa Catarina enviou bolsas de sangue para ajudar as vítimas dos temporais no Rio Grande do Sul.

Além disso, o estado catarinense mandou nesse domingo (5) uma segunda aeronave ao estado gaúcho para ajudar em resgates.

O transporte das bolsas de sangue foi feito pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) por terra até Passo Fundo (RS).

Dessa cidade, o material será levado de helicóptero a outras regiões do estado gaúcho afetadas pelos temporais.

A Secretaria da Saúde de Santa Catarina disse que, ao longo da próxima semana, serão encaminhadas mais bolsas de sangue, que estão sendo coletadas no Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (Hemosc).

Conforme a secretaria, quem quiser ajudar pode ir aos hemocentros a partir desta segunda-feira (6). Para checar os horários, visite o site do Hemosc. É preciso fazer um agendamento.

 

Segunda aeronave

Nesse domingo, o helicóptero da Polícia Civil de Santa Catarina que fica em Chapecó, no Oeste do estado, foi enviado ao Rio Grande do Sul pela manhã. “Nós vamos ficar na base aérea de Canoas e, a partir daqui, vão ser designadas as missões, tanto na região de Porto Alegre, Lajeado e outras do estado”, disse o coordenador do Serviço Aeropolicial de Fronteira (Saer-Fron) em Chapecó, Albert Dieison Silveira.

Essa aeronave se junta à equipe que está atuando no estado vizinho há quatro dias. Policiais e bombeiros militares estão empenhados no trabalho de resgate, principalmente nas áreas ilhadas e de difícil acesso.

A aeronave que já estava no Rio Grande do Sul antes é um helicóptero da Polícia Militar de Santa Catarina.

 

Ajuda aos gaúchos

Pelo menos 516 pessoas e 84 animais ilhados nas enchentes do Rio Grande do Sul foram resgatados pelo Corpo de Bombeiros de Santa Catarina desde quarta-feira (1º), informou a corporação no sábado. O estado vizinho tem 78 mortes confirmadas e 105 desaparecidos por causa dos temporais.

A maioria dos resgatados, segundo os bombeiros, aguardava socorro em cima de telhados e até em árvores.

Ao todo, 32 bombeiros militares de Santa Catarina atuam em diversas regiões do estado gaúcho com 10 viaturas 4×4, 11 embarcações e equipamentos para resgates em deslizamentos.

Por causa do agravamento da situação na região de Porto Alegre, as equipes catarinenses devem se deslocar para a área da capital gaúcha.

 

osul.com.br

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Serra e Litoral nas principais redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Tem também o nosso grupo do Telegram e Whatsapp.

AS MAIS LIDAS

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

Notícias Relacionadas