Inaugurado Museu Histórico das Missões, em Santo Ângelo

O novo museu integra-se a um conjunto de lugares e instituições que ajudam a contar a história das Missões Jesuíticas Guaranis. Foto: Maurício Tonetto/Secom RS

Um museu dedicado à preservação e divulgação da riqueza cultural e histórica das Missões Jesuíticas e da região missioneira, no Rio Grande do Sul, foi inaugurado na última sexta-feira (5).

O evento contou com a presença do governador Eduardo Leite e da secretária da Cultura, Beatriz Araujo. Localizado na cidade de Santo Ângelo, na região missioneira, o Museu Histórico das Missões é a primeira entrega do Edital + Museus, com recursos do programa Avançar na Cultura, do governo do Estado.

O local recebeu investimento total de R$ 3,2 milhões – R$ 2,5 milhões do governo estadual via Sedac (Secretaria da Cultura), e R$ 750 mil da prefeitura de Santo Ângelo. O governador Eduardo Leite destacou a importância de aparelhos culturais qualificados para atrair o público, e disse que o museu será mais um instrumento para o desenvolvimento do turismo local.

“Os recursos do Estado que foram aportados para ajudar a prefeitura a estabelecer esse museu reafirmam o nosso compromisso com o desenvolvimento da Região das Missões a partir do seu potencial turístico, gerando emprego e renda”, afirmou Leite.

O museu conta com salas permanentes para acervos da arte sacra missioneira e das Missões Jesuíticas, além de Memorial Étnico-Cultural, Memorial do Gabinete do Prefeito/Intendência e Galeria dos Grandes Personagens das Missões.

Há também salas para formação de público e educação patrimonial (a serem desenvolvidas com apoio de material audiovisual), bem como o Centro de Pesquisa Missioneira e o Arquivo Histórico Augusto César Pereira dos Santos. A instituição visa preservar a memória artística e o legado histórico da Região das Missões e contribuir com o turismo.

A secretária da Cultura, Beatriz Araujo, celebrou o fato de que Santo Ângelo passa a oferecer um local atraente que reúne história e arte missioneira em um mesmo espaço, valorizando o legado jesuítico guarani.

“Desde 2019, seguimos trabalhando em diversas frentes para garantir que o patrimônio histórico e artístico gaúcho seja protegido e se mantenha acessível a todos, e para que nossas instituições museológicas sejam espaços de convivência, com oferta de atividades que enalteçam a nossa identidade cultural em sua diversidade, no passado e no presente. O Museu Histórico das Missões é mais um passo importantíssimo nessa nossa caminhada”, disse a titular da pasta cultural.

05190937_2141784_GDO Inaugurado Museu Histórico das Missões, em Santo Ângelo
Eduardo Leite e Beatriz Araujo percorreram os espaços do novo museu (Foto: Maurício Tonetto/Secom RS)

O espaço está instalado no antigo Centro Administrativo José Alcebíades de Oliveira, onde, por mais de nove décadas, funcionaram a Intendência e a Prefeitura de Santo Ângelo.

Concluída em 1928, a edificação já abrigou também o Fórum e todas as demais repartições federais e estaduais do município, sendo sede do poder executivo municipal até fevereiro de 2022, quando foi completamente desocupada para receber o novo museu. O prédio é tombado pela Lei Municipal 1.789, de 12 de abril de 1994.

 

Apoio

O novo museu integra-se a um conjunto de lugares e instituições que ajudam a contar a história das Missões Jesuíticas Guaranis, um sistema de bens culturais transfronteiriços que envolve o Brasil e a Argentina. Ao todo, são cinco sítios arqueológicos remanescentes dos povoados implantados em território originalmente ocupado por indígenas, durante o processo de evangelização promovido pela Companhia de Jesus nas colônias da coroa espanhola na América, nos séculos XVII e XVIII.

Inscritos em dezembro de 1983 na Lista do Patrimônio Mundial, esses remanescentes representam relevante testemunho da ocupação territorial e das relações culturais que se estabeleceram entre os povos nativos, na maioria do grupo étnico guarani, e missionários jesuítas europeus.

O sítio arqueológico de São Miguel das Missões é considerado um dos conjuntos históricos mais importantes do Brasil.

A Secretaria da Cultura vem atuando na região nos últimos anos. Desde 2019, a pasta investiu R$ 7.854.125,76 nos municípios do Conselho Regional de Desenvolvimento Missões, via Fundo de Apoio à Cultura e Lei de Incentivo à Cultura.

Além disso, a secretaria coordenará as atividades de comemoração relacionadas ao quadricentenário das Missões Jesuíticas Guaranis no Rio Grande do Sul, a ser celebrado em 2026, conforme decreto estadual.

 

osul.com.br

Guia Serra e Litoral só R$ 20 POR ANO
Estamos em faze de lançamento, Anuncie Conosco preço promocional

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Serra e Litoral nas principais redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Tem também o nosso grupo do Telegram e Whatsapp.

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

Notícias Relacionadas