Veranistas encontram mar “chocolatão” em Capão da Canoa nesta Segunda-feira

Pouca gente encarou o banho de mar no início da manhã. Lauro Alves / Agencia RBS

Mesmo com a cor da água, boletim mais recente diz que praias estão próprias para banho.

Veranistas que chegam à beira da praia de Capão da Canoa nesta segunda-feira (8) encontram um fenômeno recorrente do litoral norte gaúcho, encontrado pelo menos desde o sábado (6): o mar “chocolatão”. Pela manhã, poucas pessoas se aventuravam na água, enquanto a maioria preferia caminhar e aproveitar o sol na areia.

O vento noroeste de fraca intensidade — com rajadas que não passavam dos 10 km/h — deixava uma sensação de abafamento na praia. A temperatura era de 25°C ainda antes das 8h30min. A bandeira definida pelos guarda-vidas é amarela nesta segunda.

Mas, o que explica essa mudança no mar e a água mais turva? O fenômeno do mar “chocolatão” é resultado de uma série de processos da natureza.

Um deles é que a água que entra na costa gaúcha, com a ajuda do vento, transporta os sedimentos presente na água do Rio da Prata e na Lagoa dos Patos. Nesses sedimentos, é possível encontrar areia e algas, como a Asterionellopsis glacialis, que se multiplicam e ficam mais escuras quando chegam perto da superfície.

Conforme o diretor do Instituto do Meio Ambiente da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Nelson Ferreira Fontoura, quando há uma sequência de dias de vento nordeste — como aconteceu em Capão da Canoa — as águas superficiais e costeiras são arrastadas para o mar aberto, deixando água mais fria e turva.

Essa grande presença de nutrientes não interfere, no entanto, na balneabilidade da água. A definição de que o mar está próprio ou não para o banho é medida pela contaminação fecal. Conforme o último boletim de balneabilidade, divulgado pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) na semana passada, todas as praias de água salgada do Litoral Norte estão próprias para o banho.

Assim, a coloração mais do mar não significa que a água não possa receber banhistas.

4891751_8c823bb8e685bb6 Veranistas encontram mar "chocolatão" em Capão da Canoa nesta Segunda-feira
A maioria dos frequentadores preferiu aproveitar a areia.   –    Lauro Alves / Agencia RBS

 

4891747_3efcfcec5b2b184 Veranistas encontram mar "chocolatão" em Capão da Canoa nesta Segunda-feira
Nos últimos dias, Capão da Canoa vento nordeste. Lauro Alves / Agencia RBS

 

4891748_c98312ff226738a Veranistas encontram mar "chocolatão" em Capão da Canoa nesta Segunda-feira
Condições climáticas favorecem o mar “chocolatão”. Lauro Alves / Agencia RBS

 

4891778_804560f3e7646df Veranistas encontram mar "chocolatão" em Capão da Canoa nesta Segunda-feira
Quem entrou no mar, precisou lidar com a situação da água. Lauro Alves / Agencia RBS

 

4891781_71beb0401123e54 Veranistas encontram mar "chocolatão" em Capão da Canoa nesta Segunda-feira
Mar “chocolotão” é um clássico do litoral gaúcho. Lauro Alves / Agencia RBS

 

gauchazh.clicrbs.com.br

Onde Ir

Dicas de Onde Ir, na Serra ou no Litoral
Onde Ir