Situação da Lagoa dos Patos se agrava em Rio Grande

Várias ruas do centro permanecem alagadas, o que atrapalha diversos serviços como o transporte coletivo urbano | Foto: Roberto Dias/ Prefeitura de Rio Grande/CP

Ainda durante a madrugada cerca de 600 pessoas solicitaram resgate. A cidade amanheceu com muitas ruas totalmente alagadas.

Em Rio Grande, o avanço da Lagoa dos Patos durante a madrugada trouxe consequências além de diversas ruas completamente alagadas. Um dos locais mais bonitos da cidade, o Centro Histórico tinha água quase no joelho nesta manhã.

Ainda durante a madrugada cerca de 600 pessoas pediram resgate para a Defesa Civil, que teve ajuda dos órgãos de segurança e voluntários no trabalho.

Destes, 84 pessoas precisaram ser levadas aos abrigos municipais. Á tarde 659 permaneciam nos sete abrigos do município.

Os moradores foram resgatados principalmente do entorno do Lar Gaúcho, Navegantes, Salgado Filho, São Miguel e Santa Tereza. Dentre os voluntários que atuaram nos resgates estiveram socorristas dos socorristas do Núcleo Comunitário de Proteção e Defesa Civil(NUPDEC), jipeiros e a guarda vida civil.

No início da madrugada o estuário atingiu o nível de 2,76 m, segundo a medição realizada pelo sensor instalado no CCMar.

Segundo o prefeito Fábio Branco, a situação poderá se agravar ainda mais. “Nas áreas de risco teremos um nível da lagoa muito alto, talvez e dependendo do vento, pode aumentar as áreas de risco podem ser mais atingidos. Que as pessoas sejam preventivos e se preocupem com os próximos dias”, solicitou.

No início da tarde, a Lagoa dos Patos estava com o nível de 2,56m na cidade (66 centímetros acima do nível do cais.

Os ventos estavam em direção noroeste á oito quilômetros por hora.

 

Plano Emergencial para o Transporte Coletivo

Diante do agravamento dos alagamentos no município, o Núcleo de Transportes, vinculado à Secretaria de Mobilidade, Acessibilidade e Segurança (SMMAS), implantou um Plano Emergencial para o transporte coletivo de passageiros que começou a valer a partir da tarde desta quinta-feira.

Devido à interrupção de várias rotas, as mudanças consideram o volume de água sobre a via, o risco de alagamentos nas residências dos moradores e a dificuldade na reposição do estoque de diesel.

Em conformidade com o Plano Emergencial, a empresa Transpessoal Transportes foi instruída a realizar as alterações necessárias.

Com isso, o transporte coletivo de passageiros opera com a tabela de sábado, com possíveis atendimentos especiais de linhas que não operam neste dia. Nos horários de pico, serão disponibilizados coletivos auxiliares para suprir a demanda dos usuários. As medidas visam garantir a continuidade do serviço de transporte coletivo diante das adversidades provocadas pela inundação no município.

As linhas Mangueira / Lar Gaúcho, Cassino Cidade Nova, FURG/IFRS. Interforos, Bosque – Buarque / Portugal, Bosque – Portugal / Buarque, Barra via Avenida Itália, Rodoviária Vila Maria / FURG, -Interdistrital – Ilha dos Marinheiros / Palma e Torotama seguem suspensas. O Núcleo de Transportes da SMMAS disponibiliza aos usuários o canal de atendimento FALA CIDADÃO, através do telefone 3233.8456 (também é WhatsApp) de segunda a domingo, das 07h às 22h.

 

Correio do Povo

 

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Serra e Litoral nas principais redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Tem também o nosso grupo do Telegram e Whatsapp.

AS MAIS LIDAS

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

Notícias Relacionadas