Marinha resgata famílias após novos alagamentos na região das Ilhas

Equipe atua em resgates e na recuperação das estruturas destruídas pela inundação em maio. | Foto: Mauro Schaefer

Missões de socorro integram Operação Taquari 2; Defesa Civil mantém plantão na região.

O volume de chuva que caiu na madrugada e na manhã desta quarta-feira agravou ainda mais a situação das famílias que habitam a região das ilhas do Guaíba, em Porto Alegre.

O nível do Guaíba voltou a subir, e equipes que trabalham desde maio no resgate das vítimas atingida pelas enchentes voltaram às ruas.

Integrando as ações da Operação Taquari 2, a Marinha do Brasil efetuou o salvamento de três famílias nesta manhã na Ilha da Pintada. “A Marinha do Brasil se faz presente nas ilhas de forma permanente desde o fim de semana. Estamos mantendo 30 fuzileiros navais, três embarcações e duas viaturas pesadas, que são próprias para esse tipo de ação em enchentes”, detalhou o comandante do Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais, Capitão de Mar e Guerra, Carlos Eduardo Gonçalves da Silva Maia.

A Marinha atua em apoio à Defesa Civil em diversas missões no Estado, como reforça o capitão Maia. “Ambas as instituições estão aqui, irmanadas em prol da população gaúcha. A gente entende que é um local crítico, já que a quota de inundação é menor do que no continente.”

A operação especial que iniciou no fim de semana permanecerá nas ilhas por tempo indeterminado. “O tempo que precisar, estaremos presentes. Os nossos meios estão à disposição da população”, garantiu o oficial da Marinha do Brasil.

Por conta do risco de inundação, desde o início da semana, a Defesa Civil de Porto Alegre está com equipes na região. Além do apoio da Marinha do Brasil, o Corpo de Bombeiros está de prontidão para auxiliar em eventuais remoções de moradores.

“Estamos tomando todas as precauções necessárias para garantir a segurança da população. Transporte e vagas em abrigos estão reservados para aqueles que precisarem ser removidos de suas casas”, afirma o diretor da Defesa Civil, Evaldo Rodrigues Junior.

Nas Ilhas, o nível do Guaíba chegou a 2,53 metros às 8h30min desta quarta-feira, e recuou para 2,44m à tarde, conforme régua instalada na Ilha da Pintada, de acordo com a página especializada Tide Sat.

No trecho da Usina do Gasômetro, onde a cota de alerta é de 3,15m e a de inundação é de 3,6m, a medição chegou a 3,12m durante a manhã, conforme a Defesa Civil municipal.

 

Correio do Povo

 

Guia Serra e Litoral só R$ 20 POR ANO
Estamos em faze de lançamento, Anuncie Conosco preço promocional

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Serra e Litoral nas principais redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Tem também o nosso grupo do Telegram e Whatsapp.

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

Notícias Relacionadas