Hospitais gaúchos podem suspender consultas, exames e cirurgias eletivas até 30 de maio

A medida foi tomada em razão das dificuldades de locomoção de pacientes e de profissionais e de atendimento nas instituições de saúdeFoto: Divulgação

O Gabinete de Crise da Secretaria Estadual da Saúde emitiu um comunicado permitindo que hospitais e demais estabelecimentos de saúde no Rio Grande do Sul suspendam consultas, exames e cirurgias eletivas – que não são de urgência ou emergência –até 30 de maio.

A medida foi tomada em razão da dificuldade de locomoção de pacientes e de profissionais e de atendimento nas instituições de saúde.

O comunicado, emitido na sexta-feira (10), ressalva os casos que necessitarem de cirurgia de segundo tempo traumatológica. “Esses deverão ser transferidos ou referenciados para seguimento de tratamento na referência de alta ou média complexidade em traumato ortopedia para a realização de cirurgia no prazo de 30 dias, sendo considerado ideal o prazo de 15 dias”, afirmou o governo.

Os hospitais também devem atualizar diariamente o monitoramento de insumos e de oxigênio medicinal.

 

osul.com.br

Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Brasil e do mundo? Siga o Serra e Litoral nas principais redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Tem também o nosso grupo do Telegram e Whatsapp.

AS MAIS LIDAS

Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?

Olá, Seja bem-vindo!
Você já acessou a nossa Página Osório na Web hoje?
𝐀𝐜𝐞𝐬𝐬𝐞, conheça e fique bem informado(a) dos acontecimentos do 𝐃𝐈𝐀-𝐃𝐈𝐀.

Osório na Web e Portal Serra e Litoral Juntos.
Segue o Link da Página

Página Osório na Web

Redes do Grupo Fortes Publicidade
Notícias atualizadas 24h.

Receba as principais notícias do Portal Serra e Litoral no seu WhatsApp

Notícias Relacionadas